Você está aqui: Página Inicial / Sobre a Câmara / Notícias / Abril de 2015 / Vereadores solicitam apoio de senadores para contratação de peritos em Nova Andradina

Vereadores solicitam apoio de senadores para contratação de peritos em Nova Andradina

por Marcos Matos publicado 22/04/2015 00h27, última modificação 19/05/2015 23h14
Problemas devido à falta de médicos peritos na agência do INSS local se arrastam há mais de um ano. Pessoas que precisam passar por perícia precisam se deslocar para outros municípios

Em mais uma tentativa de resolver o problema da falta de médicos peritos para prestar atendimento na agência do INSS de Nova Andradina, os vereadores José dos Santos Correia (Zé Bugre), Newton Luiz de Oliveira (Nenão) e Vicente Lichoti apresentaram indicação solicitando aos senadores Waldemir Moka e Delcídio do Amaral como também ao deputado federal Dagoberto Nogueira Filho a contratação deste especialista.

O documento foi aprovado por unanimidade na 10ª sessão plenária realizada na última segunda-feira, dia 13 de abril. Desde março do ano passado, o legislativo cobra a retomada da realização de perícias no município. O vereador Nenão, quando ainda respondia pela presidência da Casa de Leis, foi o autor de diversas iniciativas neste sentido (leia o histórico abaixo). Para ele, a situação denúncia a falta de planejamento das ações governamentais e o descaso com a população.

“É preciso haver mecanismos para a contratação imediata de um médico perito para Nova Andradina. Já estivemos junto a gerência do INSS regional, levamos o problema ao Ministério Público Federal, e agora estamos apelando aos nossos representantes da esfera federal para tentar resolver, em definitivo este problema. Estamos unindo forças - vereadores, deputados, senadores e poder judiciário - quem sabe agora ouçam o clamor da população”, assinalou Nenão.

E Vicente Lichoti completou: “o cidadão contribui com a previdência e na hora que precisa tem que percorrer quase 200 quilômetros para passar por uma perícia e conseguir seu benefício.  A presença de um médico no município poderia evitar os atrasos nos pedidos de auxílio-doença, aposentadoria por invalidez, entre outros serviços prestados”, encerrou.

Histórico

Março 2014 - A Câmara Municipal, sob o comando de Nenão, enviou ofício ao INSS solicitando informações sobre a ausência de médico perito e atrasos nos pedidos de aposentadoria e outros benefícios. Na época, em documento, o INSS informou que três peritos médicos previdenciários estão lotados na cidade, porém, dois foram removidos para outros municípios a pedidos dos profissionais e o outro pediu demissão.

Setembro 2014 – Nenão encaminhou oficio ao Ministério Público Federal (MPF) solicitando a imediata intervenção do órgão para garantir que as perícias médicas sejam realizadas na agência local do INSS. O vereador pediu ainda a contratação, em caráter emergencial, de um médico perito para atender a demanda e agilização de todos os procedimentos com a finalidade de evitar os atrasos nos pedidos de auxílio-doença, aposentadoria por invalidez, entre outros serviços prestados.

Outubro 2014 - o gerente executivo do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), regional de Dourados, que responde por várias unidades do interior do Estado, entre elas Nova Andradina, Francisco Carlos da Silva admitiu a extrema carência de profissionais em todas as cidades da região. E informou que das 15 agências existentes em Mato Grosso do Sul, seis estão sem peritos. Ainda segundo Silva, o problema só poderá ser resolvido com a realização de concurso público, previsto para 2015.

Matéria de responsabilidade do gabinete do vereador Nenão

Fonte: Aline Leão / Assessoria

Mídias Sociais