Você está aqui: Página Inicial / Sobre a Câmara / Notícias / Fevereiro de 2015 / Vereadores cobram ata de reunião que discutiu interesses de pacientes que fazem hemodiálise

Vereadores cobram ata de reunião que discutiu interesses de pacientes que fazem hemodiálise

por Marcos Matos publicado 12/02/2015 01h47, última modificação 19/05/2015 23h11
Durante sessão ordinária da Câmara Municipal, realizada nesta segunda (09), os vereadores Newton Luiz de Oliveira (Nenão), Robertinho Pereira e Valter Yasunaka apresentaram um requerimento dirigido ao Secretário de Saúde, Silvio Senhorini, e à presidente do Conselho de Saúde de Nova Andradina, Renata Cristina Canto, pelo qual solicitam a cópia da gravação em áudio e a transcrição da ata da reunião extraordinária realizada no dia 18 de novembro passado.

No texto do documento, os parlamentares argumentam que este mesmo pedido já havia sido feito por meio de ofício encaminhado pelo então presidente da Casa, o vereador Nenão. No entanto, até o momento, o parlamentar não tinha tido acesso aos materiais solicitados. “Esta reunião tratou de interesses de pacientes que fazem tratamento de hemodiálise. Há informações de que o município financiou a instalação de tomógrafo, máquinas de hemodiálise e outros serviços em uma unidade privada. E não é de agora nossa preocupação com os renais crônicos. No ano passado, já solicitei melhorias no transporte desses pacientes, que não tinha condições de atendimento, porém, essas cópias não foram encaminhadas”, ressaltou o parlamentar do PMDB.

Para seu companheiro de partido, Robertinho Pereira, o Conselho de Saúde deve atender a solicitação dos edis. “Uma das prerrogativas do vereador é fiscalizar as ações do município. Queremos prestar esclarecimento aos cidadãos que nos procuram e pedem explicações”, defendeu. O vereador tucano, Valter Yasunaka também fez coro:  "é necessário agilidade na resposta aos requerimentos. Além disso, se há investimentos públicos em equipamentos para o tratamento de hemodiálise, onde quer que sejam, deve ser de conhecimento de todos”, finaliza.

Fonte:  Aline Leão / Assessoria

Mídias Sociais