Você está aqui: Página Inicial / Sobre a Câmara / Notícias / Março de 2015 / Valter cobra instalação de abrigo para resíduos sólidos em prédios públicos

Valter cobra instalação de abrigo para resíduos sólidos em prédios públicos

por Marcos Matos publicado 19/03/2015 03h19, última modificação 19/05/2015 23h12
Na sessão ordinária desta segunda-feira (16), o vereador Valter Yasunaka (PSDB) reiterou indicação nº 542, de 14 de outubro de 2013, em que cobra a implantação de locais adequados para o abrigo de resíduos em todos os órgãos públicos de Nova Andradina, em especial os relacionados à saúde, como as ESF’s, Centro de Reabilitação de Nova Andradina (Crena), Laboratório Municipal, Clínica da Mulher, Hospital Regional e Secretaria Municipal de Saúde.

Segundo o Vereador, a falta de locais apropriados para o abrigo de resíduos podem acarretar na contaminação do meio ambiente, além da proliferação de vetores, mal cheiro, desconforto estético, poluição visual e até mesmo podendo colocar em risco a saúde do ser humano.

“Esta indicação faz-se necessária para melhorar a qualidade de vida e preservar a saúde da população nova-andradinense”, justifica Valter.

Durante a sessão desta segunda-feira, o Vereador reiterou outras duas indicações. A de n° 112, de 18 de março de 2013, em que solicita estudos para a viabilidade de implantação de lombadas eletrônicas, bem como a sinalização da via, nos trechos próximos ao campus da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), na MS-134, entrada dos conjuntos habitacionais Randolfo Jareta, Celina Gonçalves e Almesinda Costa Sousa e, no cruzamento da estrada municipal “Gracindo Abílio Lourenço”, que dá acesso ao Residencial Jardim Imperial no prolongamento da Avenida Antônio Joaquim de Moura Andrade, saída para Ivinhema.

A outra proposição reiterada é a de nº 178, de 14 de abril de 2012, em que Valter cobra providências para todos os serviços técnicos de manutenção, aterramento e nivelamento da estrada municipal não pavimentada, situada na MS-473 próxima ao lixão, na entrada da Fazenda Ipê Branco.

Conforme o Edil, os serviços contemplarão moradores das fazendas Ipê Branco, Dona Amélia, São Miguel, Guarani e Santa Terezinha.

Todas as indicações foram encaminhadas ao Executivo.

Fonte: Aline Leão / Assessoria

Mídias Sociais